Buscar

Sudeste deve ter dia de sol e calor nesta quinta, segundo a Somar

Já no restante do país, a previsão é de chuva em boa parte dos Estados

  • Enviar
Ronaldo Bernardi
Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS
Sol e temperaturas altas devem marcar a quinta no Sudeste

PREVISÃO PARA ESTA QUINTA, DIA 5

SUDESTE

Uma massa de ar seco deve garantir mais um dia com tempo firme e ensolarado em boa parte da região. Apenas no centro e norte do Espírito Santo e no nordeste de Minas Gerais, a umidade proveniente do mar deve provocar chuva fraca. Durante a manhã, a mínima deve oscilar entre 9°C e 15°C em boa parte de Minas Gerais, entre 12°C e 15°C em São Paulo e entre 12°C e 18°C no Rio de Janeiro e Espírito Santo. À tarde, a máxima deve chegar a 27°C no centro, oeste e norte de São Paulo, oeste e norte de Minas Gerais, norte do Rio de Janeiro e boa parte do Espírito Santo. A umidade relativa do ar deve permanecer baixa, chegando a 20% no interior de Minas Gerais e aos 30% no interior de São Paulo. De acordo com projeções da Somar, o risco de queimadas deve ficar elevado em boa parte dos Estados de Minas Gerais e de São Paulo, além do noroeste do Rio de Janeiro e região serrana do Espírito Santo.

SUL

A partir desta quinta, uma frente fria deve avançar para norte e provocar chuva sobre o oeste do Paraná, sul e o oeste de Santa Catarina e boa parte do Rio Grande do Sul. Deve chover forte em todo o centro e norte do Rio Grande do Sul e no extremo sul de Santa Catarina, com acumulado de mais de 30 milímetros em vários municípios. Apesar do retorno da chuva para parte do Paraná, as condições para colheita do milho safrinha devem permanecer favoráveis na maior parte dos municípios paranaenses. Há previsão de ventos fortes pela manhã entre o norte do Rio Grande do Sul e o sul de Santa Catarina, passando dos 70 quilômetros por hora em alguns municípios. A temperatura da madrugada deve entrar em declínio em toda a região, variando entre 9°C e 15°C em Santa Catarina e Paraná e oscilando entre 3°C e 6°C na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai. À tarde, termômetros devem registrar máxima de 27°C no noroeste do Paraná. Já em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, a temperatura da tarde deve entrar em declínio e não deve passar dos 21°C em boa parte dos dois Estados. E deve chegar a 12°C na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai.

CENTRO-OESTE

Na quinta, deve haver retorno da chuva fraca e isolada ao extremo sul de Mato Grosso do Sul por conta da chegada de uma frente fria. Uma grande massa de ar seco deve manter o tempo firme e ensolarado na maior parte do Centro-Oeste, favorecendo boa parte das atividades agrícolas de manutenção e colheita. A mínima deve ficar entre 12°C e 15°C pela manhã no sul de Mato Grosso, Distrito Federal e boa parte de Mato Grosso do Sul e de Goiás. À tarde, no entanto, a máxima deve ultrapassar os 33°C no noroeste de Mato Grosso e 27°C no centro e norte de Mato Grosso do Sul e norte e oeste de Goiás.

NORDESTE

A quinta deve ser de chuva no leste e norte do Nordeste, área que engloba a Bahia, Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Maranhão. Segundo a Somar, todas as precipitações estão associadas com áreas de instabilidade chamadas de ondas de leste, típicas desta época do ano no litoral e zona da mata. Em Feira de Santana, na Bahia, as chuvas devem voltar a ocorrer de forma mais regular nesta semana. Durante a  madrugada, mínima entre 12°C e 15°C deve prosseguir no oeste e sul da Bahia. À tarde, a máxima não deve passar dos 24°C no centro e sul da Bahia, mas deve exceder 30°C no Maranhão, Piauí e Rio Grande do Norte.

NORTE

Áreas de instabilidade tropicais devem se propagar pelo oeste e norte da região, causando pancadas de chuva com baixo acumulado sobre o oeste, centro e norte do Amazonas, Roraima, norte do Pará e Amapá. Já entre Tocantins e sul do Pará, uma massa de ar seco deve garantir mais um dia com tempo firme e ensolarado. A temperatura deve seguir elevada, tanto a mínima como a máxima. Na madrugada, os termômetros devem chegar a 20°C e à tarde, a máxima deve exceder os 30°C em grande parte dos municípios. O risco de queimadas é considerado crítico pela Somar em boa parte de Tocantins, uma vez que não chove forte sobre o Estado há mais de dois meses.

PREVISÃO PARA OS PRÓXIMOS DIAS

SUDESTE

A chegada de uma frente fria deve provocar chuva de baixo acumulado sobre o oeste de São Paulo a partir do fim do dia nesta sexta. Também deve chover entre o Espírito Santo e nordeste de Minas Gerais, por conta da umidade proveniente do mar. Já na maior parte do Sudeste, o tempo deve permanecer seco e ensolarado. Pela manhã, as mínimas devem ficar entre 9°C e 15°C em boa parte de Minas Gerais, entre 12°C e 15°C em São Paulo e entre 12°C e 18°C no Rio de Janeiro e Espírito Santo. À tarde, a máxima deve chegar a 27°C no centro, oeste e norte de São Paulo, oeste e norte de Minas Gerais, norte do Rio de Janeiro e boa parte do Espírito Santo.

No sábado, a frente fria deve avançar pelo Sudeste, provocando chuva generalizada em todo o Estado de São Paulo e sul de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. Pode chover forte na Grande São Paulo e no sul paulista, com acumulado de mais de 30 milímetros. Já no domingo, a chuva deve perder força e o destaque passa a ser a queda nas temperaturas à tarde entre São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. No decorrer da próxima semana, a tendência é de tempo seco no interior de Minas Gerais e de São Paulo e chuva fraca ao longo do litoral da Região Sudeste.

SUL

Nesta sexta, a frente fria deve estacionar sobre a região Sul, mantendo a chuva sobre o Paraná, Santa Catarina e boa parte do Rio Grande do Sul. O acumulado deve passar dos 40 milímetros no norte do Rio Grande do Sul, oeste e sul de Santa Catarina e no extremo-oeste do Paraná. Ventos fortes, na casa dos 90 quilômetros por hora, devem atingir o norte do Rio Grande do Sul e oeste do Paraná pela manhã. À tarde, os ventos podem passar dos 100 quilômetros por hora no oeste de Santa Catarina. Além disso, a partir desta sexta, o potencial para granizo deve aumentar em toda a região Sul. A mínima deve ficar em torno dos 3°C na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai. Já em Santa Catarina e Paraná, entre 9°C e 15°C. À tarde, a máxima não deve chegar aos 15°C em todo o Rio Grande do Sul e aos 20°C em Santa Catarina e no sul do Paraná.

A previsão para o sábado é de chuva fraca no norte do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. No domingo, por sua vez, a mínima deve ficar próxima de 0°C e deve haver formação de geadas ao amanhecer na Fronteira Oeste e Campanha do Rio Grande do Sul. A trégua da chuva deve durar pouco, com retorno da chuva para boa parte da região Sul no decorrer da semana que vem. A fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai deve ser a mais atingida pela precipitação, com acumulado de mais de 50 milímetros.

CENTRO-OESTE

Na sexta, a frente fria deve avançar lentamente pelo Mato Grosso do Sul, provocando chuva generalizada, com intensidade no extremo-sul do Estado. Já em Goiás, Mato Grosso e Distrito Federal, o tempo deve permanecer seco e ensolarado. Em Goiás e Distrito Federal, a mínima deve chegar aos 12°C. À tarde, a temperatura máxima deve ficar mais baixa no sudoeste e sul de Mato Grosso do Sul, não passando dos 21°C em alguns municípios. Já no norte de Mato Grosso do Sul, a máxima deve exceder os 30°C, no noroeste de Mato Grosso. Termômetros devem registrar mais de 33°C e no norte e oeste de Goiás, as marcas devem passar dos 27°C. No sábado, a chuva deve prosseguir sobre Mato Grosso do Sul. A partir do domingo, deve haver retorno do tempo seco para todo o Centro-Oeste. Para a próxima semana, não há previsão de chuva sobre a região.

NORDESTE

Chuva de baixo acumulado deve atingir a costa leste e norte do Nordeste nesta sexta. O tempo deve permanecer seco no interior da região. A Bahia e boa parte do interior do Nordeste devem ter mínima entre 15°C e 18°C. À tarde, a máxima não deve passar dos 24°C no Planalto da Conquista, no sul da Bahia, mas deve exceder os 30°C no Maranhão, Piauí, Ceará e Rio Grande do Norte. No fim de semana e no decorrer da semana que vem, precipitação de baixo acumulado deve prosseguir ao longo da costa. O tempo deve continuar seco no interior do Nordeste.

NORTE

Nesta sexta deve haver pancadas de chuva de baixo acumulado em Rondônia, Acre, Amazonas, Roraima, Amapá e norte do Pará. Já entre o Tocantins e o centro e sul do Pará, o tempo deve permanecer seco e ensolarado. A temperatura deve seguir elevada, tanto a mínima como a máxima. Para a madrugada, há previsão de marcas em torno dos 20°C e à tarde, a máxima deve exceder os 30°C em grande parte dos municípios. Até o fim da semana que vem, precipitações com baixo acumulado devem atingir uma faixa que vai do oeste do Acre à costa do Pará.

SOMAR METEOROLOGIA

  • Enviar

Previsão para os próximos dias

BOLETIM

carregando...

MAPAS

mapa

Fases da lua

  • Nova 25/08
  • Crescente 02/09
  • Cheia 08/09
  • Minguante 15/09

Estações do ano

  • Outono 20/03
  • Inverno 21/06
  • Primavera 23/09
  • Verão 21/12

Próximas transmissões

(divulgação)

Leilão Carapuça, Reconquista e Ribeirão Bonito

  • Data:  31/08
  • Início:  21h
  •  
  •  
C2Rural - Transmissão e evento de leilões.  Veja mais
(Canal Rural)

VOCÊ NO RURAL

Conheça as nossas vagas e faça parte do principal
veículo de comunicação do agronegócio do país

Canal Rural

© 2011-2014 RuralBR.com.br

Todos os direitos reservados